Se informe

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Era pra ser um poema apaixonado.

Sou o monstro nas suas cobertas
E hoje vou te ensinar algo que dá medo
O lado negro que povoa nossa alma
E nós não temos nada de bom.
Provar que essa sua auréola é de brinquedo
E que esse sorriso é pura malicia.
Eu sei que você gosta das Travessuras
Prove o gosto do veneno na boca
O calor do pecado entre suas pernas
Hoje não minta pra mim
Não precisa fingir
Porque hoje é Halloween.
E eu vou comer seu coração.

7 comentários:

Betina disse...

Considerando determinadas teorias sobre a paixão, esse é um poema verdadeiramente apaixonado...
Ligeramente (ligeiramente, sei) malicioso, mas bastante real.
Foda... Literalmente falando. *-)

Diogo disse...

Porn bgs

Renan V. J. de Oliveira disse...

eu sou viciado em amor
e sou viciado em sexo também

Aspone disse...

Hnn!!
Era isso que vc queria q eu visse??

Gostei cara, quase tudo que você escreve tem um pouco de romantismo, sacanagem e escuridão!
Sempre tem algo que dá um pouco de medo! hehe

Muito bom!

Luciana disse...

Parece tradução de música americana...
aehueahuaehuaeae
ficou legal!
;*

LK Chaves disse...

Espera aí... Como é que vc vai comer o coração se está no meio das pernas??!!! o.O'
Muito macabro, mas bem legal! ^^

bjos

Rodrigo Campos disse...

Cantada dos brutos.

Parece que o eu lírico é o king kong.

abraço